Diversão

Com muita emoção, Sérgio Chapelin se despede do Globo Repórter; confira

Reprodução Tv Globo
Despedida de Sérgio Chapelin foi marcada por muita emoção, nesta sexta-feira (27)

Muita emoção marcou a despedida de Sérgio Chapelin, de 78 anos, do Globo Repórter, apresentado pelo jornalista uma última vez na noite de ontem (27). Chapelin, que também teve passagens pelas bancadas do Jornal Hoje, Jornal Nacional e apresentou o Fantástico, anunciou aposentadoria após 46 anos de emissora. Sandra Annenberg ira substitui-lo no comando da atração.

Uma grande parte do programa desta sexta-feira (27) foi dedicada a uma retrospectiva dos melhores momentos de Chapelin na emissora. O jornalista estreou o Globo Repórter em 1973 e, entre idas e vindas, teve três passagens pelo programa. A última, em 1996 até os dias atuais.

Ao final do programa, Chapelin teve a companhia de Sandra Annenberg, próxima apresentadora, e Glória Maria, parceira do jornalista na atração nos últimos anos. “É uma honra receber o programa de você”, disse Sandra.

A antiga apresentadora do Jornal Hoje também perguntou dos planos futuros de Chapelin. Bem humorado, o jornalista respondeu: "Agora é momento de pensar, relaxar, experimentar aquela liberdade total. Acho que todo mundo pensa nisso. E, quem sabe, viajar. Até porque só a Glória Maria viaja", disse.

 

 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ANUNCIE AQUI