Geral

Mesmo com liberação em decreto, escolas públicas do Estado de Goiás continuam com aulas remotas

Cristina Cabral

As escolas da rede pública estadual de Goiás vão continuar com o sistema de aulas remotas por enquanto, mesmo após o novo decreto do Estado autorizar o retorno de atividades presenciais em colégios goianos. A informação foi divulgada nesta terça-feira pela Secretaria estadual de Educação (Seduc).

O ano letivo começou no último dia 25 de janeiro, com cerca de 8% da rede estadual de ensino em sistema híbrido (presencial e remoto). Posteriormente, no mês de fevereiro, o percentual chegou a 15%. Porém, com o agravamento da pandemia da Covid-19, toda a rede do Estado passou a atender em regime não presencial.

De acordo com informações da Seduc, mesmo adotando o sistema de aulas remotas, denominada pela pasta como Regime Especial de Aulas Não Presenciais (Reanp), 30% do quadro administrativo das escolas continuarão nas unidades, em sistema de revezamento. A medida visa garantir atendimento à comunidade escolar e possibilitar a entrega dos Kits de alimentação para os alunos.

Profissionais que pertencem ao grupo de risco, com 60 anos ou mais, com imunodeficiências ou com doenças preexistentes crônicas ou graves, gestantes ou lactantes com filhos de até 12 meses, serão mantidos em regime de teletrabalho

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ANUNCIE AQUI