Minha dica é...

10 cuidados que você precisa ter durante as férias no Araguaia

Sol, tranquilidade e belas paisagens. Com a aproximação das férias escolares, o Rio Araguaia é um dos destinos mais escolhidos por praticantes de pesca amadora de todo o país e turistas do Centro-Oeste, que buscam as praias de areias claras e momentos de lazer oferecidos pela região. Segundo a Secretaria Municipal de Turismo de São Miguel do Araguaia, a expectativa para esse ano é que 300 mil turistas aproveitem a temporada, 100 mil a mais do que em 2015.
 
Mas antes de arrumar as malas é importante que as pessoas se atentem para alguns cuidados com a saúde. A recomendação é que o cartão de vacinas esteja atualizado, principalmente as vacinas contra Hepatite A e Febre Amarela, que têm incidência aumentada na região. “É importante lembrar que esse cuidado é imprescindível não apenas para os turistas, mas também para os moradores da região, pois no período de grande movimentação essas doenças se proliferam com maior facilidade”, ressalta a Dra. Marilene Lucinda, médica especialista em vacinas do Laboratório Padrão do Grupo Hermes Pardini.

Nessa época do ano, é muito comum que ocorram irritações nos olhos e na pele, otite, insolação e rinite alérgica. Por isso, quando estiverem desfrutando das variedades de lazer, como praticar esportes, explorar a fauna/flora local e se refrescar nas águas do rio, os turistas devem tomar algumas medidas de prevenção.É o que explica a biomédica e assessora científica do Laboratório Padrão, Bárbara Nuccitelli. “Não fique muitas horas exposto ao sol, use acessórios como chapéu e sombrinha. O protetor solar deve ser usado mesmo em dias nublados e não se esqueça de que o óculos de sol deve ter a qualidade de proteção adequada”, orienta.

A biomédica ainda reforça o cuidado com a alimentação. “Tenha atenção às condições de higiene dos locais escolhidos para se alimentar, opte por comidas leves e beba bastante líquido, preferencialmente água, para repor as energias. Não consuma bebida alcoólica, pois o uso pode ocasionar acidentes”, alerta.

Outra recomendação é não esquecer o repelente, já que os casos de Dengue, Chikungunya e a Febre Zika, todos transmitidos pela picada do mosquito Aedes Aegypti, ainda são preocupantes. “Use constantemente o repelente. Não deixe água parada acumular, faça a sua parte.”

Dicas para uma boa viagem:

- Atualizar o cartão de vacina;

- Beber muita água;

- Escolher locais higiênicos para fazer os alimentos;

- Dar preferência para alimentos leves;

- Usar protetor solar (mesmo em dia nublados)

- Usar óculos de sol com a proteção adequada;

- Usar repelente;

- Acessórios como chapéus e sombrinhas devem ser utilizados;

- Não consumir bebida alcoólica;

- Evite praticar esportes com altas temperaturas;

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ANUNCIE AQUI