Fernanda Nobre defende o direito de exposição do corpo

Aos 34 anos, Fernanda Nobre celebrou a volta as telinhas no ano passado, na trama das sete da TV Globo/TV Anhanguera, Deus Salve o Rei. “Eu fiquei muito feliz com este trabalho. Esse é o meu lugar, em que me sinto tão integrada”, disse em entrevista a revista Quem. A loira, estava afastada da TV desde 2010, após ter integrado o casting da Record por 6 anos. A atriz que interpretou Diana na novela das 19h, é integrante da corrente que relativiza a idolatria ao “corpo perfeito” e reconhece a importância do feminismo. “Existe um ideal injusto, impossível e desumano de ser seguido. É importante valorizarmos nossa beleza pessoal. Nas redes sociais, sigo mulheres que têm uma aparência diferente da que é ditatorial: gordas e magras que nos mostram que é fundamental nos amarmos do jeito que somos”, opina. Com 1,58m de altura e 49kg, Fernanda, que despontou na televisão em 1992, em “Despedida de Solteiro”, mostra maturidade ao lidar com a própria imagem e defende a liberdade femina. “ Sensualidade é ser livre, é podermos achar nossos próprios limites e decidir o que vamos mostrar ou não”, afirma.

 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ANUNCIE AQUI